PIBID - Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência

O Pibid é uma iniciativa para o aperfeiçoamento e a valorização da formação de professores para a educação básica.

Os projetos devem promover a inserção dos estudantes no contexto das escolas públicas desde o início da sua formação acadêmica para que desenvolvam atividades didático-pedagógicas sob orientação de um docente da licenciatura e de um professor da escola.

A Licenciatura em Matemática possui uma coordenadora de área Yachiko N. Wakiyama, dois supervisores de área que atuam na Escola Estadual Maria Madalena e na Escola Estadual Tiradentes.

Objetivos do programa

  • Incentivar a formação de docentes em nível superior para a educação básica;
  • contribuir para a valorização do magistério;
  • elevar a qualidade da formação inicial de professores nos cursos de licenciatura, promovendo a integração entre educação superior e educação básica;
  • inserir os licenciandos no cotidiano de escolas da rede pública de educação, proporcionando-lhes oportunidades de criação e participação em experiências metodológicas, tecnológicas e práticas docentes de caráter inovador e interdisciplinar que busquem a superação de problemas identificados no processo de ensino-aprendizagem;
  • incentivar escolas públicas de educação básica, mobilizando seus professores como coformadores dos futuros docentes e tornando-as protagonistas nos processos de formação inicial para o magistério; e
  • contribuir para a articulação entre teoria e prática necessárias à formação dos docentes, elevando a qualidade das ações acadêmicas nos cursos de licenciatura.

Como funciona?

Instituições de Educação Superior interessadas em participar do Pibid devem apresentar à Capes seus projetos de iniciação à docência conforme os editais de seleção publicados. Podem se candidatar IES públicas e privadas com e sem fins lucrativos que oferecem cursos de licenciatura.

As instituições aprovadas pela Capes recebem cotas de bolsas e recursos de custeio e capital para o desenvolvimento das atividades do projeto. Os bolsistas do Pibid são escolhidos por meio de seleções promovidas por cada IES.

No caso da Universidade Federal do Amazonas a portaria que rege os projetos é PORTARIA Nº 46, DE 11 DE ABRIL DE 2016 sob edital da Capes nº 61/2013. A Matemática conta com uma coordenadora de área, dois supervisores de área e 13 discentes bolsistas. A forma de ingresso é por meio de edital publicado pela coordenação geral de acordo com as vagas disponíveis, sempre havendo uma lista de alunos classificados para possíveis substituições.

Projetos em execusão

  • Preparatório para o Enem;
  • Oficinas de Geometria Plana e Espacial;
  • História da Matemática como Elemento Motivador;
  • Discalculia;
  • Reforço escolar;
  • Técnicas de Resolução de Problemas de Matemática;
  • Neurociência na Educação;
  • Geogebra como Apoio de Aprendizagem.

O programa possui duração de 4 anos, isto é, do período de março 2014 a fevereiro de 2018. Atualmente, o MEC está elaborado as novas diretrizes que nortearão o Programa vigente.